Sob o comando de Abel Ferreira, Palmeiras pode atingir feito do São Paulo de Telê Santana nesta terça-feira

Como foi derrotado por 1 a 0 no confronto de ida, na Arena da Baixada, o Verdão precisa de uma vitória por dois ou mais gols de diferença para faturar a classificação ainda no tempo regulamentar

Abel Ferreira tenta levar o Palmeiras à terceira final de Libertadores consecutiva

Palmeiras Athletico-PR decidem quem irá para a final da Copa Libertadores da América 2022 a partir das 21h30 (de Brasília) desta terça-feira, 6, no Allianz Parque. Como foi derrotado por 1 a 0 no confronto de ida, na Arena da Baixada, o Verdão precisa de uma vitória por dois ou mais gols de diferença para faturar a classificação ainda no tempo regulamentar – o triunfo palmeirense pelo placar mínimo leva a disputa para as penalidades. Desta forma, caso supere o Furacão, o time comandado por Abel Ferreira atingirá um feito que apenas o São Paulo conseguiu entre os clubes brasileiros: disputar três decisões consecutivas do principal torneio entre clubes da Conmebol. Atual bicampeão do campeonato, o Alviverde se igualaria ao rival, que faturou duas taças em 1992 e 1993, diante de Newell’s Old Boys (Argentina) e Universidad Católica (Chile), respectivamente, sob a batuta de Telê Santana. No ano seguinte, em 1994, ainda sendo treinado pelo “Mestre”, o Tricolor foi vice para Vélez Sarsfield (Argentina), sendo derrotado nas penalidades.

Até o momento, o recorde de mais finais consecutivas na Libertadores pertence ao Independiente e Estudiantes, ambos da Argentina, com quatro cada. O primeiro ganhou o torneio sul-americano em 1968, 1969 e 1970 e foi vice-campeão em 1971. Já o segundo conquistou as edições de 1972, 1973, 1974 e 1975, se tornando também o clube com mais títulos consecutivos. Além do São Paulo, Peñarol (1960, 1961 e 1962), Boca Juniors (1977, 1978 e 1979), América de Cali (1985, 1986 e 1987) e Olímpia (1989, 1990 e 1991) também participaram de três decisões seguidas. Já o Santos (1962 e 1963), Cruzeiro (1976 e 1977), Grêmio (1983 e 1984), São Paulo (2005 e 2006) e o próprio Palmeiras (2020 e 2021) são os brasileiros que participaram de duas finais seguidas.

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira as notícias de hoje, fatos da política, economia e internacional, no maior Portal de Notícias do Brasil e do Mundo.

Confira as notícias de hoje, fatos da política, economia e internacional, no maior Portal de Notícias do Brasil e do Mundo.