Caminhoneiros chegam a Brasília para os protestos contra o resultado das urnas

Manifestações se espalham por várias cidades do país

Em Brasília, caminhoneiros chegam para protestos contra o resultado das eleições | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Um grupo de caminhoneiros chegou a Brasília, neste domingo, 6, para participar das manifestações contra o resultado das urnas na eleição presidencial de 2022. Eles estão na frente do Quartel General do Exército do Brasil.

Nas redes sociais, circula o vídeo da chegada dos caminhoneiros em Brasília, por volta de 17h30. De acordo com a Jovem Pan, os organizadores estimam que 20 mil brasileiros participam das manifestações na capital federal.

Entre os manifestantes, existem cidadãos de todas as idades e classes sociais. Grupos de indígenas, por exemplo, também aderiram aos protestos.

Além dos caminhoneiros em Brasília

Neste domingo, diversas cidades brasileiras registraram manifestações contrárias ao resultado da eleição. Além de Brasília, os protestos ocorreram em cidades como Rio de Janeiro, Salvador (BA), Recife (PE), Porto Alegre (RS) Cuiabá (MT) e Curitiba (PR).

Também existiram atos em cidades no interior dos Estados, como a paranaense Apucarana e a fluminense Petrópolis. Na maioria dos casos, os protestos ocorrem em frente a bases militares.

Protestos realizados na cidade do Rio de Janeiro, RJ, neste domingo , 06 | Foto: Saulo Angelo/Futura Press/Futura Press/Estadão Conteúdo

Na capital paulista, manifestantes mantêm uma vigília em frente à sede do Comando Militar do Sudeste, quartel do Exército, desde a segunda-feira 31. A instalação fica na Avenida Sargento Mario Kozel Filho. No local, existem barracas montadas para dar apoio e receber doações de água e alimentos. A estratégia é manter o ato até que o resultado da eleição seja revisto.

Manifestantes em frente ao quartel do Comando Militar do Sudeste – 06/11/2022 | Foto: Reportagem/Revista Oeste

No Rio de Janeiro, as concentrações ocorreram em frente ao Comando Militar do Leste, próximo à Praça Duque de Caxias. Na capital de Pernambuco, os protestos se concentraram nas portas do Comando Militar do Nordeste. Em Salvador, do mesmo modo, o ato também foi realizado na frente de uma base militar, o quartel da Mouraria. Já em Porto Alegre, os manifestantes se dirigiram ao centro da cidade.

O resultado que levou aos protestos

Nas eleições de domingo 30 de Outubro, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recebeu cerca de 60 milhões de votos contra 58 milhões do presidente Jair Bolsonaro (PL). Assim, a diferença ficou em torno de 2 milhões de votos — menos de 2 pontos porcentuais. Ao mesmo tempo, quase 38 milhões de eleitores não escolheram nenhum dos dois candidatos no último domingo, somando a quantidade dos que não votaram com os votos nulos e em branco.

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira as notícias de hoje, fatos da política, economia e internacional, no maior Portal de Notícias do Brasil e do Mundo.

Confira as notícias de hoje, fatos da política, economia e internacional, no maior Portal de Notícias do Brasil e do Mundo.